3 Dicas de produtividade no estudo – Certa Palavra
LOADING...

3 Dicas de produtividade no estudo

Muitas pessoas sentam à mesa para estudar com todo o material à frente, ficam loucas e começam a abrir todas as apostilas, todos os cadernos, sem uma ordem precisa. Conheço várias alunas que têm dificuldade em organizar e planejar o que será estudado no dia, e isso é um grave problema, pois perdem muito tempo e, quando acaba o fôlego, e o dia, ficam com a sensação de que não estudaram nada.

Por isso criei este post com 3 dicas de produtividade no estudo. Vamos lá…

1 – Organização.

Antes de começar a estudar, separe o que você precisa fazer neste momento. Por exemplo: hoje vou estudar as matérias do dia: química, matemática, geografia, português. Então pegue o que foi visto em sala sobre estes conteúdos, separe somente isso para estudar.

Caso você não faça aula em escola ou cursinho, e está estudando somente pelo YouTube, busque uma organização em algum material – justamente para ter uma noção de qual disciplina estudar, qual conteúdo seguir. Vou deixar aqui um material bom e gratuito que pode te ajudar: HEXAG.

2 – Estude a matéria mais difícil primeiro

Muito importante você encarar suas dificuldades, ainda mais se estiver com ânimo. Por isso, na hora de se organizar para estudar, coloque as disciplinas mais difíceis primeiro. Por quê? Porque assim você terá mais disposição para enfrentar suas dificuldades; e mais tempo também, caso agarre em exercícios complexos.

Assim, quando o cansaço bater você estará estudando as disciplinas de maior afinidade e, provavelmente, de maior rendimento, o que será bom porque você continuará dominando o conteúdo e acertando muitas questões.

3 – Crie metas por acerto

Como a vida é corrida e muitas vezes a gente não tem ideia de como separar tempo para estudar, aqui tem uma dica que eu gosto muito e acho que você também vai gostar: meta de questões certas.

Por exemplo: hoje vou acertar 15 questões de cada disciplina que eu estudar. Feito isso, você já pode voltar pra casa, fazer atividade física, namorar, enfim, cair no sofá e assistir Netflix à vontade. Por que meta de acerto? Por dois motivos acho legal: 1) você tem noção de como realmente está na disciplina, pois terá real noção de quantos exercícios precisa fazer para acertar a sua meta, 15 por exemplo. 2) você sempre guardará a ideia de acerto na sua cabeça; “acertei 15 de física, acertei 15 de química…” Isso todos os dias.

Claro que você precisa entender como está sua rotina e qual nível de estudo está para traçar essa meta. Comece pequeno, com 5 acertos de cada disciplina, depois passe para 10, depois para 15, depois para 20…

Gostou das dicas?  Escreva aqui nos comentários como você se organiza, o que achou das minhas dicas.